5 dicas de segurança para você evitar que seu carro seja roubado

5 dicas de segurança para você evitar que seu carro seja roubado

Ter o carro roubado é um incidente muito comum no Brasil, apresentando, só entre 2015 e 2016, mais de um milhão de ocorrências. Ou seja, em média, um veículo foi assaltado por minuto. Devido a esse cenário, é importante tomar certas atitudes para evitar entrar nessa estatística.

Para isso, confira estas 5 dicas para manter o seu carro e os seus passageiros mais seguros. Boa leitura.

1. Evite deixar pertences dentro do carro estacionado

Mesmo que seja uma sacola vazia, qualquer objeto visível dentro do carro pode chamar a atenção de um ladrão, tornando o seu veículo um possível alvo. Portanto, evite sempre deixar bolsas, sacolas ou qualquer item sobre os bancos.

Se for necessário manter algo dentro dele, use o porta-luvas ou o porta-malas, caso o objeto tenha um tamanho considerável. Diminuindo, assim, a chance de ter o seu carro roubado.

2. Fique atento ao entrar ou sair da garagem de casa

Os momentos em que o motorista e o carro ficam mais vulneráveis são ao sair e entrar em casa. Nessas horas, o condutor precisa parar o veículo, pegar o controle do portão ou abri-lo manualmente e, nesse momento, ocorrem a maioria dos roubos e sequestros.

Para evitar problemas, quando for entrar na garagem, principalmente à noite, olhe ao redor para conferir se não há alguma movimentação suspeita. Caso perceba algum movimento, dê uma volta no quarteirão e, persistindo esse receio, acione a polícia. 

Vale ressaltar também que é importante ter uma iluminação no portão e, caso possível, uma câmera de segurança para inibir a ação de criminosos.

3. Tenha cuidado na hora estacionar o veículo

Estacionamentos fechados são sempre a melhor opção, mas nem sempre é possível deixar seu carro nesses locais e é necessário mantê-lo em vias públicas. Quando isso for preciso, observe bem o local: veja se é movimentado e apresenta boa iluminação, sobretudo, à noite.

Uma boa dica é estacionar perto de guaritas de polícias, ou de prédios com câmeras de segurança, para tentar intimidar assaltantes e evitar ter o carro roubado. Além disso, verifique se ele está trancado e o alarme ativado.

4. Invista em equipamentos de segurança

No mercado, há diversos equipamentos para proteger o seu veículo, desde alarmes a rastreadores e bloqueadores, cada um com uma função específica. 

O alarme é o mais comum e dispara um alto som caso o veículo seja violado. Já o bloqueador trava a bomba de combustível ao detectar uma invasão, a fim de não permitir a sua partida, e aciona a central de segurança.

rastreador veicular é o mais avançado e com mais recursos entre os equipamentos acima. Ele permite consultar a localização do veículo 24 h por dia, para, além de aumentar a sua segurança com o automóvel, facilitar a sua recuperação caso necessário.

5. Considere a contratação de uma associação de proteção veícular

proteção veícular traz uma série de benefícios para seu automóvel, como assistência técnica 24h e facilidade na hora de resolver problemas relacionados a acidentes e furtos. Além disso, apresenta uma burocracia menor e preços mais em conta, quando comparados a outros serviços veiculares. Com isso, seu veículo e os passageiros ficam mais seguros.

Ter o carro roubado é uma dor de cabeça enorme, mas com algumas ações é possível diminuir as chances de ser vítima desse crime. Com isso, seu veículo e todos os seus ocupantes ficam menos suscetíveis a esses crimes. No entanto, vale ressaltar que, caso você seja abordado por um bandido, jamais reaja, fique calmo e entregue o veículo. Depois disso, acione a polícia e os demais serviços para tomar todas as ações cabíveis.

Viu só como que, com algumas ações, é possível diminuir a probabilidade de entrar para a estatística de roubo veicular? Caso queira ficar mais seguro, veja alguns motivos para não ignorar a contratação de proteção veicular.

Sem comentários

Cancelar